contabilit site contabil

Qual o perfil do empreendedor brasileiro?

Os brasileiros são empreendedores e esse é um fato incontestável que diversas pesquisas nos comprovam. O artigo retrata qual é esse perfil e outros dados de uma pesquisa muito conceituada no Brasil e no Mundo.

O brasileiro é um povo empreendedor! Você acredita nessa afirmação? Quais são os dados e fatos que comprovam isso? Segundo o sumário executivo de 2013 do “Global Entrepreneurship Monitor”, que é um projeto iniciado em 1999 por meio de uma parceria entre a London Business School e o Babson College, hoje com a parceria do Sebrae e coordenação do Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), sim, o Brasil é um país de empreendedores.

O projeto tem como objetivo compreender o papel do empreendedorismo no desenvolvimento econômico dos países e hoje se constituí no maior estudo em andamento sobre o empreendedorismo no mundo.

Vamos aos dados do perfil do empreendedor brasileiro:

• As mulheres são a maioria (52,2%). Na região Nordeste há um indicativo de uma pequena maioria de homens (50,9%);

• No Brasil e em todas as suas regiões, a faixa etária onde se observa a maior frequência desses empreendedores é a de 25 a 34 anos (33,1%);

• A maior parte dos empreendedores iniciais brasileiros (50,9%) apresenta níveis de escolaridade menor que segundo grau completo. Merece destaque a região Nordeste, onde 42,1% dos empreendedores iniciais possuem segundo grau completo;

• A grande maioria dos empreendedores iniciais brasileiros provem de famílias com até 4 pessoas (77,2%). Esse fato também se verifica em todas as regiões do país;

• A faixa de renda predominante é de menos de 3 salários mínimos (61,6%). Nas regiões Norte e Nordeste, esse percentual alcança 73,4 e 66,0%, respectivamente;

• A maioria dos empreendedores iniciais é natural da própria cidade (57,5%), aspecto que se repete em todas as regiões;

• O empreendedorismo responde por 20% do PIB brasileiro e 60% dos 94 milhões de empregos estabelecidos;

O estudo ainda afirma que as características recentes da economia brasileira, centrada no aumento do consumo de massa e no mercado interno, favorecem o aumento na quantidade dos empreendimentos, porém esses se caracterizam como sendo pouco inovadores, em atividades econômicas com pequenas barreiras de entrada e com baixa inserção internacional, particularmente de serviços.

Os resultados do GEM 2013 são bastante favoráveis ao empreendedorismo no Brasil. Com o aumento da taxa de empreendedores iniciais, estima-se que 40 milhões de brasileiros, entre 18 e 64 anos estejam envolvidos com a atividade empreendedora. Além disso, verificou-se também o aumento da proporção de empreendedores por oportunidade, o que reflete uma decisão mais planejada em relação à opção pelo empreendedorismo, aumentando a probabilidade de sucesso do negócio. O estudo revelou também que, pela primeira vez no Brasil, a proporção de mulheres empreendedoras superou a proporção de homens (52,2% contra 47,8%). Como oportunidades de melhorias, o estudo revelou os baixos percentuais de novidade nos produtos e serviços, além da baixa perspectiva de geração de empregos nos próximos cinco anos. Apesar disso, o empreendedorismo desfruta de uma excelente imagem no país, dado que a proporção de pessoas que consideram o empreendedorismo como uma opção de carreira é superior a 80%.

Fonte: administradores.com.br

Interdados

Agregar valor também faz parte da jornada empreendedora

Existem empreendedores que têm uma ideia equivocada do que é agregar valor e, também, os que desconhecem como fazê-lo. Então, acompanhe a leitura e entenda mais sobre o assunto!

O mercado está cada vez mais competitivo e os empreendimentos precisam evoluir constantemente mostrando cada vez mais o seu valor. Seja pela qualidade dos produtos oferecidos ou pela forma de comunicação com os clientes, é necessário agregar valor ao que é ofertado.

Para que os consumidores optem pelos serviços ou produtos do seu empreendimento, é importante se posicionar de maneira diferenciada no mercado, resultando na fidelização do público alvo, alavancando as vendas e garantindo que o negócio cresça de maneira sustentável.

Existem empreendedores que têm uma ideia equivocada do que é agregar valor e, também, os que desconhecem como fazê-lo. Portanto, leitor, preparamos esse artigo para colocá-lo por dessa prática essencial aos negócios que buscam seu tão sonhado espaço no mercado de trabalho. Ficou interessado? Confira no nosso post!

Agregando valor ao seu empreendimento

O primeiro ponto é: agregar valor não se resume a diluir custos, alcançar novos mercados, adquirir novas empresas ou priorizar planos de investimentos. Antes de tudo é preciso prestar atenção em algumas atitudes diárias.

É importante surpreender seu cliente positivamente, então busque por primazia e não se limite em entregar somente o combinado. Tenha em mente que o crescimento de qualquer organização anda lado a lado com o nível de satisfação de seus consumidores.

Feedbacks são válidos sempre! Avalie seus colaboradores, fornecedores e ouça o que seu público tem a dizer. Esteja atento as tendências e necessidades do mercado, bem como aberto para adequar os processos de seu empreendimento, prezando sempre pelo diferencial do produto e do atendimento.

Um bom relacionamento com seus consumidores é essencial para fortalecer laços aumentando as chances de negociações bem-sucedidas. Zele por ele, não deixe de retornar as ligações não atendidas e esteja de olho no seu e-mail!

O cliente tem o poder de fazer o marketing boca a boca, então cumpra os prazos combinados e saiba que não entregar seus produtos ou prestar não seus serviços nos prazos estabelecidos gera insatisfação, deteriora a relação com seus leads e impacta negativamente na marca.

Empresas são o reflexo de seus gestores e colaboradores: chegar atrasado em uma reunião sugere desinteresse, despreparo e falta de profissionalismo, portanto evite esse tipo de situação constrangedora e tenha uma postura alinhada ao que é esperado de você.

Se algo não der certo, reconheça. Responsabilizar terceiros gera enorme insatisfação, e, de maneira geral, quando empreendedor reconhece seus erros e trabalha para que sejam sanados, seu público alvo tende a ser compreensível.

O empreendedor que busca as melhores estratégias e a diferenciação agrega valor ao empreendimento de forma fundamentada. Acrescentar inovações, destacar qualidades ou diferenciais dos produtos ou serviços que o empreendimento oferece o torna distinto da concorrência. É também uma forma muito eficiente de chamar a atenção do consumidor através de conceitos claros.

Apresentando o valor agregado aos seus consumidores

  • valor psicológico: são as características e vantagens intocáveis do produto;
  • valor funcional: é o valor que vai incorporar particularidades práticas ao cliente;
  • valor econômico: é o valor que relaciona preço e quantidade.

É preciso esclarecer que além da inovação, do valor acessível e da qualidade, o produto oferecido precisa atender completamente as necessidades do consumidor.  Dessa maneira ficará mais fácil conquistar preferência dele na decisão da compra.

É importante deixar claro para o cliente que os seus produtos ou serviços são melhores do que os mesmos oferecidos pelos concorrentes. Dessa maneira, ele perceberá o seu valor no produto ofertado, havendo maior possibilidade dele o escolher.

Fonte: https://saiadolugar.com.br

Queremos ajudar você a agregar valor a sua empresa, marque uma reunião conosco para orientações de abrir ou até mesmo migrar empresa. Nossa contabilidade conta com profissionais que estão aptos para atender sua empresa.

contabilit site contabil

Gestão Empresarial e a importância da Contabilidade

Não é raro ver empreendedores se esquivando das questões mais técnicas da contabilidade por as considerarem complicadas ou chatas demais.

Mas, ainda que o sonho de ter um negócio próprio possa se assemelhar a um mar de rosas para algumas pessoas, os empresários de sucesso reconhecem a importância de se debruçar sobre esses aspectos no dia a dia.

Afinal, é justamente a contabilidade que ajuda a criar as condições necessárias para que o empreendimento se sustente e possa alcançar o sucesso.

Saiba qual é a importância da contabilidade para a gestão empresarial na atualidade:

Saúde em dia

A principal vantagem de ter uma boa contabilidade é a manutenção da saúde do negócio, ou seja, o equilíbrio entre as receitas e as despesas ao longo do tempo para que a empresa possa remunerar seus sócios e cumprir suas obrigações com o governo, seus funcionários, fornecedores e clientes.

Com isso, a empresa evita problemas de relacionamento que podem colocar em risco não somente sua imagem e reputação, mas também sua operação no futuro.

Decisões estratégicas

Contar com serviços de contabilidade bem estruturados facilita a tomada de decisões sobre investimentos, contratação de pessoas, desenvolvimento de novos produtos, campanhas de marketing e outras ações que ajudam a alavancar um negócio.

Somente com a contabilidade em dia o empresário será capaz de compreender como cada uma dessas movimentações estratégicas terá impacto sobre as finanças no curto, médio e longo prazo.

Menos impostos

Sabemos que os impostos são indispensáveis para que o governo consiga oferecer as condições adequadas para que as empresas e pessoas possam conduzir suas atividades. No entanto, ninguém gosta de pagar mais que o devido.

Uma gestão empresarial com a contabilidade estruturada ajuda a avaliar o melhor regime de tributação em função do momento vivido pela empresa, assim como identificar a melhor hora de alterá-lo.

Em dia com a lei

Ainda que os empresários queiram pagar menos impostos, adotar a contabilidade como aspecto fundamental do negócio também garante que a empresa cumpra com suas obrigações junto ao governo, evitando gastos elevados por multas e atrasos.

Organização impecável

Muitas empresas fazem controles contábeis apenas para constar. Por isso, um dos grandes benefícios da contabilidade bem feita é a capacidade de uma empresa manter controles rigorosos como o balanço, o fluxo de caixa, capital de giro entre outros.

Essas ferramentas ajudam o empreendedor a visualizar um retrato mais preciso da situação vivida pelo negócio e identificar oportunidades para alavancá-lo.

Vale lembrar que o Brasil é um país em que as carências estruturais colocam as empresas em desafios diários para sobreviver e manter a competitividade. Em um cenário como esse, a contabilidade é uma peça fundamental para que os empreendedores encarem os obstáculos de forma preparada e não percam a capacidade de operar, mesmo nos períodos de turbulência.

Ainda que sua empresa não tenha uma equipe estruturada para desenvolver um trabalho como esse perfil, isso não significa que não ela não possa buscar parceiros especializados no mercado para resolver o problema no dia a dia.

E você empreendedor, como tem cuidado da saúde financeira da sua empresa? Encontra muitas dificuldades?

 

Conte com a gente! Entre em contato com nossa contabilidade.

 

Fonte: http://www.portaldecontabilidade.com.br/

Nothing is more expensive than a cheap lawyer

If you belong to the low-income group, you can make use of large network of legal aid programs that operates on federal agents. You can use these programs and get free legal advice for your problem. Many online self-help legal websites provide free legal advice to people. You can submit your questions online on these websites and then they are answered by lawyers or paralegals.

Read more “Nothing is more expensive than a cheap lawyer”